segunda-feira, 28 de julho de 2008

Caixa Dois (Brasil,2007,90 mins)
Minha nota: [7,9] -
Por Wendell Borges - 28/07/2008

Comentário: Dizem que questão de gosto não se discute, mas claro que a discussão não pode parar, seja no cinema, na literatura ou em família. Pelo que andei lendo após terminar de assistir a esta realização do diretor Bruno Barreto (O que é isso companheiro?) este filme Caixa Dois não agradou nem ao escritor da peça, Juca de Oliveira, peça esta que já levou mais de um milhão de brasileiros ao teatro e nem a boa parte do público que assistiu a peça e não gostou do resultado do filme, foram muitas as alterações feitas e nos letreiros aparece que o filme foi apenas "inspirado" na peça e não "baseado" nela. Eu como nunca vi a peça posso me concentrar somente no filme e o resultado não foi ruim, há momentos engraçados e o elenco todo parece estar se divertindo com suas personagens, ou seja, aquele clima de bom humor impera e consegui me divertir durante quase todo o filme. O ator Fulvio Stefanini que interpreta o presidente do Banco Luiz Fernando está muito bem no papel, assim como Cássio Gabus Mendes com o personagem Romeiro, um funcionário formado em Harvard que está realizando a negociata milionária com seu chefe. O restante do elenco composto por Giovanna Antonelli que interpreta Ângela, namorada de Henrique (Tiago Fragoso) e os pais de Henrique vividos com bom humor pelos atores Zezé Polessa (Angelina) e Daniel Dantas (Roberto) completam o elenco deste filme divertido que mostra com bom humor o lado corrupto do ser humano, afinal quem não ficaria tentado com 50 milhões de reais em sua conta bancária? Eu me tornaria um produtor de cinema e talvez abriria uma ONG para cuidar de crianças carentes (hehehe). Enfim, questões de ética, moral são pano pra muita, muita discussão. Vale conferir!

Sinopse: Luiz Fernando, rico banqueiro, consegue um ganho extra de cinqüenta milhões de reais numa transação de investimentos em Precatórios. Como o doleiro encarregado de descontar o cheque e enviar os dólares para sua conta em Zurique entra em coma, o banqueiro decide usar sua linda secretária, de quem é amante, como "laranja". Mas a situação se complica quando, ao fazer o depósito, um dígito errado faz com que os cinqüenta milhões caiam na conta de uma mulher honesta e trabalhadora cujo marido acaba de ser demitido por medidas de economia no processo de automação do banco de Luiz Fernando. E ela promete endurecer o jogo, recusando-se a fazer o estorno e gerando complicações hilariantes.

Curiosidades
- A peça teatral "Caixa Dois" esteve 6 anos em cartaz, tendo um público superior a 1 milhão de espectadores.

Ficha Técnica: Caixa Dois,Brasil,2007,90 mins. Direção: Bruno Barreto - Roteiro: Márcio Alemão inspirado em peça de Juca de Oliveira.
_____________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário