quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Mutilados (Severance, Inglaterra, 2006, 96 mins)
Minha nota: [7,8] -
Por Wendell Borges - 12/08/2008

Comentário: Dirigido por Christopher Smith (Plataforma do Medo) este Mutilados mistura bem os gêneros Comédia e Horror. Sempre que assisto a filmes do gênero fico imaginando se algum dia esta arte chegará ao seu esgotamento, mas quando este pensamento ocorre acredito que enquanto houver criatividade e bons atores a arte de fazer filmes não deixará de existir. Reiventar o que já foi usado, recriar, mexer com os nervos e tentar confundir o que pensamos que irá acontecer é um dos truques sempre válidos para agradar os fãs deste gênero tão explorado. Quando dirigiu Plataforma do Medo (2004) que tinha no elenco a atriz alemã Franka Potente o diretor e roteirista Chistopher Smith não se saiu muito bem. O filme soou bastante enfadonho e cansativo apesar de ter algumas boas cenas de tensão. Aqui neste Mutilados Smith com a ajuda do roteirista James Moran consegue criar boas piadas e usar bem os clichês do gênero. O bom elenco também ajuda, encabeçado pelos atores Danny Dyer (Steve), Laura Harris (Maggie) e Tim McInnerny (Richard). A trama gira em torno dos membros de uma divisão da "Palisade Defence", uma empresa representante da indústria bélica cujo departamento de marketing decide promover uma viagem entre seus representantes de vendas para melhorar a integração da equipe. Viajando de ônibus pelo leste europeu, eles vêem a sua trajetória rumo ao que prometia ser um fim de semana idílico em um hotel, ser interrompida quando uma enorme árvore bloqueia o caminho para o local. Os clichês do gênero são utilizados propositadamente e como se trata de uma comédia de horror algumas cenas absurdas ocorrem em alguns pontos da trama, mas estas cenas a que me refiro são muito criativas e acabam arrancando gargalhadas do espectador e o filme se torna um passatempo bastante agradável. Para não prolongar este comentário, deixo para as anotações abaixo como faço em quase todos os comentários as outras observações que fiz enquanto assistia ao filme.


Anotações para quem já viu o filme (Wendell Borges) (Spoilers!!!)

1 - Um dos bons momentos do filme: A cena em que Richard sonha com Maggie e quando ele se aproxima era na verdade um homem, ele se irrita e esfaqueia o sujeito, momentos depois ele acorda quando o chapado Steve bate a porta.

2 - A cena em que Harris (Toby Stevens) dispara um míssil de uma arma e atinge um avião também teve um bom efeito cômico.

3 - Os sobreviventes finais são Maggie, Steve e as duas acompanhantes Olga e Nadia.

4 - A cena em que Maggie é salva por uma das acompanhantes também foi uma das melhores do filme. Teve um efeito bastante cômico e fechou bem o clímax do filme.

5 - Outra boa cena já nos segundos finais quando Steve pergunta a Maggie: Nós quatro? (ele estava no barco com Maggie e as duas acompanhantes).

Sinopse: Quando uma multinacional do ramo de armamentos presenteia a sua divisão européia de vendas com uma dinâmica de grupo durante o fim-de-semana nas montanhas do leste europeu, eles mal sabem o que os espera. GRaças a um problema com o ônibus, eles acabam perdidos no meio do nada. Depois que finalmente encontram um abrigo, começam a se tornarem vítimas de uma série de armadilhas estrategicamente colocadas por alguém que se esconde nas sombras e que parece sentir medo. E tem uma insaciável fome de sangue. Estre grupo de inocentes executivos nunca se deu muito bem no trabalho. Mas ali, presos no meio do nada, eles terão que começar a trabalhar em equipe para identificar a ameaça e enfrentá-la. Ou vão literalmente ser massacrados.

Ficha Técnica: Severance, Inglaterra, 2006, 96 mins - Direção: Christopher Smith - Roteiro: Christopher Smith e James Moran.
_____________________________________________________________________

4 comentários:

  1. Ainda não vi o filme, mas gostei da história...

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Geralmente esses filmes já entram na minha lista ocupando as últimas posições, mas confesso qeu fiquei bem curiosa depois de ler o que você escreveu.
    Acho que vou dar uma priorizada.
    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Confesso que a capa do filme sempre me repugnou, mas fiz uma conexão agora do título original com algumas boas críticas que li e me despertou uma curiosidade, ajudada, claro, pelos seus próprios elogios.

    Ciao!

    ResponderExcluir
  4. :) Eu aluguei por indicação de um amigo e gostei do filme, é melhor que muitas produções do gênero que entopem as locadoras. É um filme que tem seus méritos e vale a pena ser visto. Abraços amigos blogueiros. :)

    ResponderExcluir