quinta-feira, 4 de setembro de 2008

As Chaves de Casa (Le Chiavi di casa,Itália,2004,105 mins)
Minha nota: [10,0] -
Por Wendell Borges - 04/08/2008

Comentário: (Algumas divagações: Eis um filme sublime! No silêncio dos personagens, no olhar, um diálogo arrebatador, há humor, drama, o olhar perdido dos personagens principais, remorso, culpa, dor.

Kim Rossi Stuart interpreta Gianni, um pai ausente que após vários anos resolve cuidar do filho com problemas físicos e mentais cujo parto culminou com a morte de sua esposa.

No hospital em Berlim ele conhece a francesa Nicole, interpretada com maestria e serenidade por Charlotte Rampling. É com ela que teremos uma das cenas mais arrebatadoras do filme, daquele tipo que causa calafrios e realmente marca na memória. Inesquecível. O menino Andrea Rossi que interpreta Paolo também é uma das razões de ser do filme.

A canção "Deus do Fogo e da Justiça”, de Osvaldo Almeida e Geraldo Lima que é tocada no Menu do DVD e que também ouvimos nos créditos finais do filme – na interpretação da mezzo-soprano baiana, Virgínia Rodrigues fecha com chave de ouro este grande filme. É o prenúncio de uma dor que faz o personagem Gianni chorar.

Obs: Destaque para belíssima fotografia de Luca Bigazzi. A cena final é belíssima.

Premiações
- Ganhou o Prêmio Pasinetti de Melhor Filme e de Melhor Ator (Kim Rossi Stuart), no Festival de Veneza.

Anotações para quem já viu o filme (Wendell Borges)

1 - "Nascido duas vezes" é o nome do livro que Nicole indica a Paolo. É este livro no qual o filme foi inspirado, escrito pelo italiano Giuseppe Pontiggia.





2 - A cena em que Nicole diz: " Por que ela não morre?" se referindo à sua filha a qual ela cuida e se dedica há 20 anos é daquelas cena marcantes e que nos fazem pensar sobre a alma humana.






Sinopse:
Paolo (Andrea Rossi) tem 15 anos e sofre de deficiências físicas e psicológicas provocadas pelo parto, que culminou com a morte de sua mãe. Criado pelos tios na Itália, Paolo precisa viajar anualmente até um hospital de Berlim para terapia de reabilitação. Seu pai, Gianni (Kim Rossi Stuart), aparece para acompanhá-lo pela 1ª vez durante a viagem, numa tentativa de se aproximar do filho. Suas vidas se transformam quando eles encontram Nicole (Charlotte Rampling), uma mulher forte que se dedica de corpo e alma aos cuidados de sua filha deficiente.

Ficha Técnica: LE CHIAVI DI CASA - (Itália, França, Alemanha/2004) - Direção – Gianni Amélio - Livro – “Nati due volte”, de Giuseppe Pontiggia - Duração – 105 min. - Roteiro – Gianni Amélio, Sandro Petraglia, Giuseppe Pontiggia, Stefano Rulli - Música original – Franco Piersanti - Fotografia: Luca Bigazzi - Edição: Simona Paggi - Elenco: Kim Rossi Stuart (Gianni), Andréa Rossi (Paolo), Charlotte Rampling (Nicole) Allá Faerovich (Nadine), Pierfrancesco Favino (Alberto), Manuel Katzy (motorista de táxi), Thorsten Schwarz (enfermeiro) - Prêmios – Oito prêmios internacionais e nove indicações.
________________________________________________________________________

Um comentário:

  1. Anônimo6:20 PM

    a atriz é tão brilhante, que é dificil imaginar que ela não esteja de fato vivendo aquilo...no olhar, na sua última cena...o seu silêncio diz muito.De emocionar.

    ResponderExcluir