sábado, 13 de setembro de 2008

O Sonho de Cassandra (Cassandra's Drema, Inglaterra, 20008)
Minha nota: [7,9] -
Por Wendell Borges - 13/09/2008

Comentário (não leia se não tiver visto o filme ainda): Allan Stewart Koningsberg, mais conhecido pelo pseudônimo de Woody Allen, é um cineasta, ator, músico, escritor e roteirista norte-americano nascido em Nova York. Woody está atualmente com 72 anos e continua dirigindo seus filmes, em média 1 por ano. Estreou como ator em 1965 com o filme "O que é que há gatinha?" dirigido por Clive Donner e em 1969 faz sua estréia na direção com "Um assaltante bem trabalhão". Quase 40 anos depois de sua primeira incursão dirigindo filmes Woddy já acumulou diversos prêmios e indicações nos principais festivais de cinema do mundo.

Este novo trabalho narra a relação entre dois irmãos, vividos pelos atores Ewan McGregor e Collin Farrell, que interpretam Ian e Terry, cada um a seu modo tentando vencer na vida. Os dois são filhos do Sr. Blaine (John Benfield), um proprietário de restaurante e da Mrs. Blaine (Clare Higgins). A relação entre os dois é abalada quando o tio deles chamado Howard (Tom Wilkinson), um cirurgião plástico bem de vida, resolve fazer uma proposta criminosa aos dois.

A personagem que dá título ao filme chamada Cassandra é um barco que os dois compram nos momentos iniciais da trama, barco este que faz alusão alegórica à personagem da mitologia grega Cassandra que tinha o poder de prever o futuro. É justamente no barco que os sonhos das personagens terão seus destinos traçados.

O maior pecado deste Sonho de Cassandra é sem dúvida o ato final, onde os protagonistas tomam as últimas decisões e o ritmo do filme cai bastante. Mesmo assim, é um bom trabalho deste fantástico intelectual norte-americano que costuma brincar com os gêneros drama, comédia e suspense de um forma bem pessoal, imprimindo seu estilo, tanto no modo de filmar como de conduzir a conduta das personagens.

A cena em que o tio Howard faz a proposta que irá mudar o destino de Ian e Terry é uma das melhores do filme. Os elementos dramáticos utilizados para dar um clima diferenciado (a utilização da chuva) e o movimento da câmera, que age como se fosse algum curioso tentando espiar pela fechadura da porta quando os personagens estão embaixo da árvore são escolhas que abrilhataram bastante o efeito que o diretor quis imprimir ao momento.

Woody auxiliado pela boa performance de Collin Farrel introduz o antigo dilema do ser humano, bastante trabalhado na literatura por Dostoievsky, o peso na consciência após uma determinada conduta imoral e desumana. Um bom trabalho de Woody Allen que merece ser visto.


A Vida Amorosa de Woody Allen ainda vai virar filme!

Antes mesmo da fama já havia tido dois casamentos, acompanhados consequentemente de dois divórcios. Foram elas Harlene Rosen (ele tinha 19 e ela apenas 16 quando casaram) e Louise Lasser (casamento em 1966 e divórcio em 1969). Namorou diversas outras atrizes, entre elas Diane Keaton e Stacey Nelkin até que firmou compromisso com Mia Farrow, o casamento durou até 1997. O novo e polêmico relacionamento veio com a filha adotiva de Mia Farrow, a sul coreana Soon-Yi Farrow com quem está casado até os dias atuais.


Os outros filmes de Woody Allen que já vi (em ordem alfabética)
Obs: Alguns já faz muitos anos que vi e já estão merecendo uma revisão, portanto as cotações podem mudar após revê-los.

A Outra (Another Woman) 22/05/2008
A Rosa púrpura do cairo (The Purple Rose Of Cairo)
Bananas (1971)
Igual a tudo na vida (Anything Else)
Match Point
Melinda e Melinda
Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (Annie Hall)
O Sonho de Cassandra (Cassandra's Dream) 13/09/2008
Scoop: O grande furo - 19/07/2007
Setembro (September)
Simplesmente Alice (Alice)

Sinopse de O Sonho de Cassandra:
Ian (Ewan McGregor) e Terry (Colin Farrell) são irmãos que decidem comprar o barco "Cassandra's Dream", apesar dos problemas financeiros que ambos atravessam. Terry trabalha em uma oficina, mas é viciado no jogo e sempre está às voltas com novas dívidas. Já Ian trabalha no restaurante do pai (John Benfield), mas sonha em largar o negócio para alçar vôos mais altos. Ambos moram com os pais, com a família sendo auxiliada financeiramente pelo tio Howard (Tom Wilkinson). Um dia Howard aparece para uma visita, o que anima Ian e Terry. Eles pretendem pedir dinheiro ao tio, para que possam realizar os sonhos que têm para suas vidas. Howard aceita ajudá-los, mas o que exige em troca muda para sempre a vida dos irmãos.

Elenco: Ewan McGregor (Ian) - Colin Farrell (Terry) - John Benfield (Pai) - Clare Higgins (Mãe) - Ashley Madekwe (Lucy) - Andrew Howard (Jerry) - Tom Wilkinson (Howard) - Philip Davis (Martin Burns) - Hayley Atwell (Angela Stark) - Sally Hawkins (Kate) - Stephen Noonan (Mel) - Dan Carter (Fred) - Jennifer Higham (Helen) -Lee Whitlock (Mike) - Milo Bodrozic (Milo Bodrozic) - Emily Gilchrist (Emily Gilchrist) - Richard Lintern (Diretor) - Peter-Hugo Daly (Dono do barco).

Ficha Técnica: Título Original: Cassandra's Dream - Gênero: Drama - Tempo de Duração: 108 minutos - Ano de Lançamento (EUA / Inglaterra / França): 2007 - Site Oficial: www.cassandrasdreammovie.com - Estúdio: Iberville Productions / Virtual Studios / Wild Bunch - Distribuição: The Weinstein Company / Imagem Filmes - Direção: Woody Allen - Roteiro: Woody Allen - Produção: Letty Aronson, Stephen Tenenbaum e Gareth Wiley - Música: Philip Glass - Fotografia: Vilmos Zsigmond - Desenho de Produção: Maria Djurkovic - Figurino: Jill Taylor. Edição: Alisa Lepselter.
_______________________________________________________________________

4 comentários:

  1. Gostei do filme também. E minha nota é praticamente igual à sua: 8.

    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  2. EU considero que este é um feilme de Woody Allen sobrevalorizado. Creio merece um destaque maior do que aquele que obteve. os contornos de tragédia grega que atribui à película são deliciosos. uma fita com muito mais para dizer do que aparenta.

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Allen é sempre um diretor surpreendente e instigante. Um dos melhores ainda na ativa.

    ResponderExcluir
  4. Creio que Woody Allen tentou repetir a "estratégia" de "Match Point" neste filme. Contudo, não conseguiu essa mestria que faltou ao final. Mas é sem dúvida nenhuma um bom filme. Nota: 8/10

    ResponderExcluir