segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Audition (Odishon,Japão,1999, 115 mins)
Minha nota: [8,5] -
Por Wendell Borges - 20/10/2008

Comentário: Audition, do diretor Takashi Miike (1960), é um daqueles filmes que prendem a atenção porque fazem com que você sinta curiosidade em saber mais sobre a vida da personagem principal, a serial Killer Asami Yamazaki. A atriz que a interpreta, Eihi Shiina é a alma do filme, seus olhos sinistros, seu rosto impassivo e sério, transmitem a frieza de uma pessoa que sente prazer com a dor dos outros e deixa no espectador aquela sensação sufocante do que ela será capaz de fazer com suas novas vítimas.

Miike divide o filme em duas partes, uma bastante lenta, e propositadamente, para fazer o espectador aproximar-se emocionalmente das personagens principais, no início somos apresentados a Shigeharu Aoyama (Ryo Ishibashi) e seu filho Shigehiko Aoyama (Tetsu Sawaki), vemos Shigeharu perder a mulher, Ryoko Aoyama (Miyuki Matsuda) e sete anos depois, sentindo-se sozinho, Shigeharu resolve encontrar uma nova companheira. Ao lado do amigo produtor de cinema, Yasuhisa Yoshikawa (Jun Kunimura), ele participa de uma audição para escolher a atriz de um novo filme, mas a real intenção é escolher entre as candidatas, uma nova companheira para acabar com sua solidão. O fato é explicado em uma cena, na qual vemos Shigeharu escarnecer com algumas jovens que riam em um bar, dizendo que o Japão estava perdido, pois estava difícil encontrar garotas inteligentes, sem futulidade. A oportunidade para encontrar uma garota inteligente veio com a audição proposta por Yasuhisa, mas que azar do pobre Shigeharu, mal sabia ele que iria encontrar uma mulher fria e calculista, uma assassina que devido à sua infância cheia de mágoas e dores, aprendeu a divertir-se causando dores nas pessoas que mentiam para ela, dizendo que a amavam. Um filme de Horror e mistério diferente das produções americanas, dirigido com elegância e sem abusar muito do gore. Vale a pena conferir!

Obs: O Roteiro de Daisuke Tengan foi baseado no romance de Ryu Murakami. Murakami além de escritor também é diretor, tendo realizado 5 filmes., o último deles realizado em 2000. Confira a lista e outros detalhes de seus filmes no IMDB,

Filmes de Takashi Miike que já assisti até 20/10/2008. (Todos com comentários neste blogue)

Morrer ou viver
Uma chamada perdida

Ficha Técnica e Elenco: "Odishon" Japão, 1999. 115 mins. Direção: Takeshi Miike. Roteiro: Daisuke Tengan baseado em romance de Ryu Murakami. Elenco: Ryo Ishibahi, Eihi Shiina, Tetsu Sawaki, Jun Kunimura, Renji Ishibashi. Distribuição: American Cinemathéque/ Ventura Entertainment.
_____________________________________________________________________________________

2 comentários:

  1. Um filme ousado e forte, desse diretor extremamente criativo chamado Takashi Miike.
    Já vi quatro obras do diretor: Audition, Ichi The Killer, Sukyiaki Western Django e Box, segmento do filme Três Extremos. Todos muito diferentes e com idéias malucas desse diretor.
    Tenho aqui comigo Bizita Q (Visitor Q), outro filme do Miike que dizem ser extremamente perturbador.
    E a Asami está nas pessoas malvadas no post de meu blog hehehe

    ResponderExcluir
  2. Todo mundo está gostando do filme, fico com a dica...

    Abraço!

    ResponderExcluir