sexta-feira, 24 de outubro de 2008

The Gore Gore Girls (EUA,1972,81 mins)
Minha nota: [7,5] -
Por Wendell Borges - 24/10/2008

Comentário: Clássico filme B do gênero splatter-gore movie, dirigido pelo "pai do Gore", como ficou conhecido o americano Herschell Gordon Lewis (1926). Mesmo com todos os erros de continuidade e efeitos especiais toscos, este The Gore Gore Girls tem um certo charme e deve ser acompanhado de forma totalmente descompromissada, a canastrice e a ironia estão estampados nos rostos de alguns atores.

A trama é bem simples, uma jovem repórter chamada Nancy Weston (Amy Farrell) contrata um detetive particular canastrão chamado Abraham Gentry (Frank Kress) para ajudá-la a encontrar um assassino que está matando garotas Strippers. O assassino verdadeiro, que somente é revelado nos minutos finais do filme, sempre assassina as vítimas de forma totalmente sádica, em uma determinada cena ele passa o ferro quente no rosto de uma das strippers, em outra, enfia a cabeça de uma delas em uma panela com água fervendo. Prepare então a pipoca e o refrigerante, ou então suco de tomate, para curtir este tosco e hilário Splatter/Slash Movie.

Obs: O gore é o termo usado para especificar um gênero de filmes que exagera no sangue e na violência explícita das mortes. Geralmente com tripas expostas e muito sangue jorrando. Além de literalmente significar Sangue coagulado em inglês.

Anotações para quem já viu o filme (Wendell - Notes)

1 - O Detetive Abraham Gentry pega o cigarro que estava aceso na ponta dos pés da stripper assassinada. A repórter desmaia. A palavra ok estava escrita no tornozelo da stripper morta.

Cena tosca: 33 mins de filme - A invasão das mulheres invejosas acabando com o show da stripper. Elas invadem o palco, derrubam mesas e brigam com todos.

2 - O assassino mata uma das strippers com um batedor de carne. Ele bate várias vezes nas nádegas dela com o batedor e depois coloca tempero. Na sequência ele esfacela o rosto dele retirando os olhos. (cena tosca e com diversos defeitos especiais)

3 - Em outra cena ele mata uma garota passando-lhe o ferro quente no rosto. Mas antes ele havia degolado ela com um golpe de faca. Para complementar a tosquice hilária da cena, ele arranca os mamilos dele. Num dos seios sai leite, no outro sangue. Ele então brinda as duas taças que usou para aparar os líquidos.

4 - Ácido feito na Polônia. (Ácido Made in Poland) é o que está escrito no vidro quando o assassino ataca a repórter. Jà perto do fim do filme. Então descobrimos que a assassina era Marlene,a atendente do bar Stripper.

5 - Marlene (Hedda Lubin), era a assassina que estava matando as strippers. Ela tem a cabeça arrancada e é esmagada por um carro no fim do filme. (Cena tosquíssima)

Sinopse: Jovem repórter contrata um detetive particular para ajudá-la a encontrar um assassino sádico de strippers.

Ficha Técnica: The Gore Gore Girls, EUA, 1972 - Direção: Herschell Gordon Lewis - Roteiro: Alan J.Dachman.
__________________________________________________________________________________

Um comentário:

  1. caro conterrâneo, descobri seu blog hoje. E uma boa descoberta: através do ótimo filme de Kim Ki-Dub.
    Parabéns pelo seu trabalho!

    ResponderExcluir