segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Em Carne Viva (In the cut, EUA, 2003, 119 mins)
Minha cotação:
Por Wendell Borges - 22/12/2008

Comentário: Durante um certo momento do filme o personagem de Mark Ruffalo, o detetive Malloy diz à personagem de Meg Ryan chamada Frannie, a seguinte frase: "Seu problema é que você é cansativa", neste momento o personagem acabou de descrever realmente o adjetivo que qualifica este trabalho de Jane Campion, um filme cansativo, com personagens cansativos, uma trama que não emplaca resultando em um filme bastante aquém do esperado.

A diretora neozelandesa Jane Campion (1954) havia realizado um excelente filme em 1993, O Piano, filme vencedor de 3 prêmios oscar, além de ter levado a Palma de Ouro em Cannes, o césar de melhor filme e diversos outros prêmios. Neste novo trabalho a diretora que também assinou o roteiro juntamente com Susanna Moore, autora do romance no qual o filme foi baseado, não conseguiu obter o mesmo êxito de seu trabalho artístico realizado dez anos atrás.

As falhas, além do ritmo impresso ao filme e da montagem, talvez estejam também no elenco, Meg Ryan está apática como a personagem Frannie, uma escritora solitária, professora de redação criativa que acaba se envolvendo com o detetive de homicídios chamado Malloy, interpretado por Mark Ruffalo. No elenco ainda temos Jennifer Jason Leigh no papel da personagem Pauline, irmã de Frannie, o fraquinho Sharrieff Pugh no papel de Cornelius Webb e a também fraca atuação de Nick Damici no papel do detetive Rodriguez, parceiro de Malloy, sem esquecer do ridículo personagem de Kevin Bacon, o ex-namorado de Frannie, John Graham.

O filme tem cenas de nudez, ritmo lento e uma trama que simplesmente não emplaca em nenhum momento. Salvam-se apenas alguns poucos momentos com diálogos despojados envolvendo as relações sexuais dos protagonistas. Como atrativo para o público masculino restam algumas cenas eróticas protagonizadas por Meg Ryan que no ano em que o filme foi realizado já havia passado da casa dos 40.

Curiosidade: A escritora Susanna Moore é autora do romance "In the Cut" no qual o filme foi baseado. O filme teve como um dos produtores a atriz Nicole Kidman.

Anotações para quem já viu o filme (Wendell - Notes)

1 - O filme inicia com a música "Que sera sera"
2 - Aplicar estilo em Ao Farol (Lighthouse)
3 - As águas tranquilas Sob uma copa de estrelas / A água tranquila da sua boca Sob uma mata de beijos - Federico Garcia Lorca (There will waters of the water under a frond of stars The still waters of your mouth under a thicket of kisses) - Frannie lê este trecho de uma poesia de Garcia Lorca no trem do metrô. [Francis Avery]
4 - Red Turtle é o nome do bar onde houve o assassinato. Luther Wilker, o bartender do Red Turtle que disse ter visto Frannie lá no dia do assassinato. Ela esteve lá com o aluno Cornelius Webb.
5 - O nome da garota que foi degolada era Angela Sands.
6 - John Graham, ex-namorado de Frannie, interpretado por Kevin Bacon.
7 - Na metade da minha vida me vi perdido em uma selva escura e não mais seguia o caminho certo. [Dante] Frannie lê mais um trecho literário.
8 "PORÃO DE SANGUE" aluna morta na lavanderia.
9 - Está enganada. Algumas mulheres não sabem fazer boquete. Não tem ritmo. Não tem noção de pau. [Malloy]
- Boa frase. "Não tem noção de pau" [ Frannie]
10 - Seu problema é que você é cansativa [ Malloy falando com Frannie ]

Elenco: Meg Ryan (Frannie Avery) - Mark Ruffalo (Detetive James A. Malloy) - Kevin Bacon (John Graham) - Jennifer Jason Leigh (Pauline) - Nick Damici (Detetive Richard Rodriguez) - Sharrieff Pugh (Cornelius Web) - Nancy La Scala (Tabu) - Frank Harts (Estudante) - Zack Wegner (Estudante).

Sinopse: Frannie Avery (Meg Ryan) é uma professora solitária, que inicia um relacionamento com o detetive James A. Malloy (Mark Ruffalo) e vive em Nova York. Malloy está investigando um assassinato ocorrido na vizinhança de Frannie, sendo que o relacionamento de ambos aos poucos toma rumos cada vez mais sombrios.

Ficha Técnica: Título Original: In the Cut - Gênero: Suspense - Tempo de Duração: 118 minutos - Ano de Lançamento (EUA): 2003 - Site Oficial: www.sonypictures.com/movies/inthecut - Estúdio: Pathe Productions / Red Turtle - Distribuição: Columbia TriStar / UIP - Direção: Jane Campion - Roteiro: Susana Moore, baseado em livro de Susana Moore - Produção: Nicole Kidman e Laurie Parker - Música: Hilmar Örn Hilmarsson - Fotografia: Dion Beebe - Desenho de Produção: David Brisbin - Direção de Arte: David Stein - Figurino: Beatrix Aruna Pasztor - Edição: Alexandre de Fraceschi.
____________________________________________________________________________________

Um comentário:

  1. Lembro de ter admirado este filme (e a atuação de MEG RYAN) quando o vi no seu lançamento nos cinemas. Mas não sei qual seria minha impressão sobre ele hoje..

    Ciao!

    ResponderExcluir