domingo, 2 de agosto de 2009

Nas Garras do Vício, Le Beau Serge, 1958, França, 94 mins
Direção: Claude Chabrol
Roteiro: Claude Chabrol
Gênero: Drama
Elenco: Jean-Claude Brialy, Gérard Blain, Bernadette Lafont, Michèle Méritz, Claude Cerval, Jeanne Pérez, Edmond Beauchamp, André Dino, Michel Creuze, Christine Dourdet

Por Wendell Borges - Filme visto dia 02/08/2009

Cotação
Valor artístico:
Valor de entretenimento:

Uma verdadeira prova de amizade!

Comentário: Este foi o primeiro filme de Claude Chabrol (1930), um dos cineastas que ajudaram a criar o movimento que ficou conhecido como "Nouvelle Vague" (o mais influente movimento cinematográfico francês), ganhou com ele o Prêmio Jean Vigo e iniciou uma carreira vitoriosa e intensa, tendo realizado cerca de vinte filmes somente na década de 60. A trama aqui gira em torno de François (Jean-Claude Brialy 1933-2007), que retorna à sua vila na França, depois de 12 anos de ausência. Ao chegar no local percebe que este não sofreu muitas mudanças, ao contrário das pessoas, que ele nem mais consegue reconhecer. François dedica especial atenção ao seu amigo Serge (Gérard Blain 1930-2000), um alcóolatra que passa o dia inteiro às voltas com a bebida, ignorando a esposa grávida, Marie, papel de Bermardette Lafont e paquerando uma jovem chamada Yvonee (Michele Méritz). Chabrol era um grande admirador de Alfred Hitchcock e Fritz lang e amigo de Godard, Truffaut e Eric Rohmer, tendo sido um dos colaboradores da revista Cahiers du Cinéma fundada em 1951.


ELENCO
A dupla central de atores Gérard Blain e Jean-Claude Brialy já faleceram.

Gérard Blain 1930-2000
Jean-Claude Brialy 1933-2007


O Diretor Claude Chabrol (1930)

____________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário