terça-feira, 29 de setembro de 2009

Cleopatra Jones, 1973, 89 min
Direção: Jack Starrett (1936-1989)
Roteiro: Max Julien - Sheldon Keller

Wendell Borges - Filme visto dia 29/09/2009

Cotação
Valor artístico: ½
Valor de entretenimento:


Comentário: Estou curtindo aqui os filmes Blaxploitation dos anos 70, dia 24 assisti Coffy com Pam Grier e hoje foi a vez de Cléopatra Jones com a Tamara Dobson (1947-2006), a ex-modelo que apareceu em várias revistas de moda famosas como a Vogue e a Mademoiselle e media 1m 88cm sendo considerada pelo Guiness Book como a maior atriz que já protagonizou um filme em papel protagonista. O filme tem seus pontos positivos e algumas cenas toscas que divertem quem curte um bom trash, mas o problema é que a Tamara apesar de sua altura não tinha presença cenográfica e não era boa atriz e o fato é que a carreira dela não deslanchou e ela acabou fazendo pouquíssimos trabalhos depois deste filme, ela voltou a protagonizar a agente especial Cleopatra Jones em 1975, mas realmente seu forte não era a atuação. No filme quem rouba a cena é a vilã "Mommy" protagonizada por Shelley Winters (1920-2006), ela com seus apenas 1m 63cm e 53 anos de idade dá show no duelo final com a grandalhona Tamara numa das cenas mais toscas que eu já assisti em muitos filmes Trash. A trama narra a luta da agente Cleopatra no combate à organização criminosa de traficantes encabeçados pela vilã Mommy. Vale destacar também a presença do ator Antonio Fargas no papel de outro vilão, o careteiro Doodlebug Simkins. Divertido, mas inferior ao filme de Pam Grier, Coffy, no qual Grier faz uma vigilante que também luta contra uma organização de traficantes. O diferencial estava justamente nas atuações, Pam Grier (1949) tinha muito mais presença de cena como heroína de ação.



________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário