domingo, 18 de outubro de 2009


Black Mamma, White Mamma, EUA/Filipinas, 1972, 84 min
Direção: Eddie Romero
Roteiro: H.R. Christian baseado em estória de Jonathan Demme e Joe Viola.

Wendell Borges - Filme visto dia 17/10/2009

Cotação
Valor artístico:
Valor de entretenimento:

Comentário: Conferindo mais um filme com a grande Pam Grier, este aqui é uma mistura do estilo women-in-prison com elementos do Blaxploitation, ela atua como protagonista ao lado de Margaret Markov (1951).

O filme foi dirigido pelo filipino Eddie Romero (1924) com roteiro de H.R. Christian baseado em estória escrita por Joe Viola e Jonathan Demme (1944), o diretor que futuramente ganharia seu oscar após a direção de O Silêncio dos Inocentes em 1992. Demme que estreou na direção em 1974, mesmo ano de produção deste Black Mamma, White Mamma, realizando um filme de grande sucesso no estilo women-in-prison, o famoso Caged Heat (1974) com a bela Erica Gavin. Este Black Mamma, White Mamma é Indicado apenas aos apreciadores dos filmes B com aquele pé fincado no Trash, mas com algumas boas cenas e uma trama até certo ponto envolvente.

Gostei da fotografia e das atuações, Pam Grier está bem com a sua presença em cena sempre marcada por sua volúpia de mulher durona e Margaret Markov não fica para trás em sua encenação de mulher revolucionária e rebelde. Há os elementos desengonçados das cenas de ação, tiroteios esdrúxulos e explosões toscas e um final até certo ponto surpresa.

A trama gira em torno da prostituta Lee Daniels (Pam) que foi presa após fugir com $ 40.000 dólares de um perigoso cafetão e da rebelde anarquista Karen Brent (Markov), duas mulheres que se conhecem na prisão e tornam-se inimigas, mas no momento em que conseguem escapar no ônibus após um tiroteio da polícia com os amigos de Karen, vêem-se obrigadas a darem uma trégua em sua desavenças para poderem escapar com vida. Vale destacar no filme a presença de Sid Haig, o palhaço assassino de A Casa dos 1.000 corpos (2003), ele interpreta Ruben, o caçador contratado para capturar Lee Daniels.


Spoiler! [Não leia esta parte se não tiver visto o filme ainda] - Me decepcionei um pouco com a morte da personagem de Markov ao final do filme, mas é com certeza uma das surpresas do roteiro, eu realmente não esperava que ela morresse, mas refletindo depois percebi que o fato dela ter morrido e de ser uma mulher que estava envolvida com uma Guerrilha deu um sabor especial ao filme.


Elenco / Personagens

Obs: Blaxploitation foi um movimento cinematográfico norte-americano no início da década de 1970. Tinha como protagonistas atores negros e eram destinados especialmente para este tipo de público. Alguns dos principais artífices deste gênero foram Curtis Mayfield, Pam Grier, Isaac Hayes e James Brown. " Fonte: Wikipédia


Veja outros Reviews para este filme [Em Inglês]

1. Dchigway
2. DVDtalk
3. Cinema de MERDE
4.Qwipster


___________________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário