domingo, 18 de outubro de 2009

Os Substitutos, Surrogates, EUA, 2009, 88 min
Direção: Jonathan Mostow
Roteiro: John Brancato - Michael Ferris (screenplay) - Robert Venditti (estória)

Wendell Borges - Filme visto dia 18/10/2009

Cotação
Valor artístico: ½
Valor de entretenimento: ½

Comentário: Os substitutos foi baseado na HQ (Graphic Novel) homônima publicada pela Top Shelf Productions de março de 2005 até julho de 2006, criada por Robert Venditti e desenhada por Brett Weldele com adaptação para as telas grandes dirigida por Jonathan Mostow com roteiro de John Brancato e Michael Ferris.

No elenco temos os agentes do FBI interpretados por Bruce Willis no papel de Tom Greer e Radha Mitchell no papel da agente Peters, a atriz inglesa Rosamund Pike interpreta Maggie, a esposa de Tom Greer; James Cromwell encena Older Canter, o criador da VSI, empresa responsável pelos robôs substitutos dos humanos e ainda Ving Rhames no papel do Profeta, uma espécie de líder humano que é contra a utilização dos robôs.

O filme é entretenimento puro, envolvente, bons efeitos, boa atuação do elenco e ainda faz refletir um pouco sobre os limites da tecnologia e o avanço da robótica e da globalização. A idéia é boa e gera imensas possibilidades que acredito eu foram bem exploradas pelos roteiristas. Poderia ter sido melhor? claro que sim, mas quando penso na dificuldade que é criar um roteiro baseado em HQ para cinema com uma trama de Ficção Científica acredito que o filme saiu-se bem. Fiquei com a sensação apenas de que o filme poderia ter tido uma duração maior, talvez uma meia-hora a mais explorando algumas nuances que aumentassem a identificação do espectador com a personagem de James Cromwell e um rápido paralelo entre a vida antiga do personagem de Willis mostrando seu passado antes dos substitutos tomarem conta.


_____________________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário