segunda-feira, 28 de dezembro de 2009


O Intendente Sansho
, Sanshô dayû, Japão, 1954,
Direção: Kenji Mizoguchi
Roteiro:

Wendell Borges - Filme visto dia 28/12/2009

Cotação
Valor artístico:
Valor de entretenimento:

Comentário: Considerado por vários diretores e críticos como um do três grandes diretores do cinema japonês, desfilando ao lado de nomes como Kurosawa e Ozu, Kenji Mizoguchi (1898 - 1956) deixou uma obra extensa, rica e cheia de beleza tendo realizado mais de 70 filmes desde que iniciou sua carreira nos anos 20 até dois anos antes de sua morte em 1958. Infelizmente este é o primeiro filme que assisti deste consagrado mestre japonês e o que posso dizer é que este erro será redimido nos meses vindouros.

Desta obra que é considerada uma das suas melhores da fase em que trabalhou com a história e o folclore japonês posso dizer que o filme é um drama narrado com muita elegância e beleza, personagens convincentes e que ficam na memória; jamais esquecerei do canto de sofrimento da mãe lamentando o afastamento forçado de seus dois filhos e o emocionante encontro após vários anos. A atriz Kinuyo Tanaka (1910-1977), uma das preferidas de Mizoguchi, interpreta a mãe chamada Tamaki que perdeu seus filhos Zushiô e Anju quando foram separados por ladrões vendedores de escravos durante o japão feudal.


Elenco / Personagens


Kinuyo Tanaka - Tamaki [Mãe de Anju e Zushiô]
Yoshiaki Hanayagi - Zushiô
Masahiko Kato - Zushiô (Jovem)
Kyôko Kagawa - Anju
Keiko Enami - Anju (Jovem)
Eitarô Shindô - Sanshô dayû
Akitake Kôno - Taro [ Filho de Sansho que ao contrário do pai tem um lado humanista e protege Anju e Zushio fazendo-lhes trocarem os nomes para não sofrerem mais ainda nas mãos do pai]


_________________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário