sábado, 26 de fevereiro de 2011


Bruna Surfistinha
de Marcos Baldini,Brasil, 2011, 109 min

Filme visto dia: 26/02/2011

Cotação
Força estética:

Comentário: O diretor Marcus Baldini já ganhou alguns prêmios nacionais e internacionais em direção e montagem de filmes publicitários, mas este filme que relata a carreira de sucesso da prostituta mais famosa do Brasil foi seu primeiro trabalho em longa-metragem para cinema. Para um diretor estreante acredito que ele tenha se saído bem, afinal, fui ver o filme achando que seria uma das bombas do ano, e saí do cinema feliz da vida e surpreso com a qualidade técnica que ele conseguiu imprimir ao longa.

A atriz Deborah Secco (1979) entregou-se de forma intensa no papel da famosa prostituta e atriz pornô Raquel Pacheco, mais conhecida como Bruna Surfistinha (1984). O sucesso de Bruna veio através de seu blogue e do livro "O Doce Veneno do Escorpião — O Diário de uma Garota de Programa" escrito pelo Jornalista Jorge Tarquini, um livro que vendeu cerca de 250 mil exemplares e que descreve a vida de Raquel como garota de programa.

Duas músicas pontuam brilhantemente a trilha sonora do filme, uma delas é logo na cena inicial, "Time of the Season" do grupo The Zombies, que é simplesmente belíssima e é uma das músicas de maior sucesso dos anos 60 e a famosa e melancólica música "Fake Plastic Trees" da banda inglesa Radiohead que o cantor Thom Yorke liberou após assistir ao filme em outubro do ano passado. Um ponto positivo para o marketing em torno da produção, que acredito será um dos blockbusters brasileiros deste ano.

O orçamento de R$ 4 milhões foi liberado pelo Ministério da Cultura por meio das leis de incentivo fiscal e estes gastos acredito eu serão compensados nas bilheterias de cinema e nas futuras vendas de DVD e Blu-ray.


Trailer




-----------------------------------------------------------------
TRILHA SONORA

Time of the Season

The Zombies





---------------------------------------------------------------



FAKE PLASTIC TREES

Radiohead

Her green plastic watering can
For her fake Chinese rubber plant
In the fake plastic earth
That she bought from a rubber man
In a town full of rubber plans
To get rid of itself
It wears her out, it wears her out
It wears her out, it wears her out
She lives with a broken man
A cracked polystyrene man
Who just crumbles and burns
He used to do surgery
For girls in the eighties
But gravity always wins
It wears him out, it wears him out
It wears him out, it wears him out
She looks like the real thing
She tastes like the real thing
My fake plastic love
But I can't help the feeling
I could blow through the ceiling
If I just turn and run
It wears me out, it wears me out
It wears me out, it wears me out
If I could be who you wanted
If I could be who you wanted all the time
All the time...

**********************
Bônustrack
[Outra música da trilha sonora de Bruna Surfistinha]
They Don't Make Mistakes [Tejo Damasceno e Andre Lucarelli]



They don’t make mistakes
They don’t make mistakes
They don’t make mistakes

[...]

Stay with me
Would you like to stay?
In the party, in the kitchen
You stay with me

[...]




_______________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário