quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011


Motorpsycho

de Russ Meyer, EUA, 1965, 74 min

Filme visto dia: 10/02/2011

Cotação
Força estética: ½


Comentário: Mais um filme que assisto do diretor Russ Meyer (1922-2004), que tinha um fetiche por mulheres de seios avantajados, por causa disto as atrizes eram escolhidas a dedo, ou seja, pela medida de seus sutiãs.

Neste aqui ele utiliza quatro atrizes em cena, Arshalouis Aivazian, que atuou unicamente neste filme e faz uma ponta logo no início; a atriz canadense chamada Haji que atuou em vários de seus filmes incluindo Faster, Pussycat! Kill! Kill! (1965), Good Morning and... Goodbye! (1967), e Supervixens (1975), ela que tem uma participação maior e faz o papel de Ruby Bonner; e ainda temos Hole K. Winters que faz a esposa do veterinário chamada Gail Maddox e finalizando temos a loura Sharon Lee (1933) também em rápida ponta.

O filme narra as brutalidades de um grupo formado por 3 jovens motociclistas liderados por Brahmin interpretado pelo ator Steve Oliver (1941-2008), um lunático veterano do Vietnã que se diverte torturando e estuprando mulheres e agindo violentamente com os homens. No elenco masculino temos ainda o veterinário Corey Maddox interpretado pelo ator Alex Rocco. Não é o melhor trabalho de Russ Meyer, mas entretem o suficiente e tem uma curiosidade, é um dos primeiros filmes norte-americanos a mostrar um personagem atormentado por causa da Guerra do Vietnã (1959-1975).


Sinopse: A história envolve um veterinário, cuja mulher é estuprada por uma gangue liderada por um veterano do Vietnã sádico e uma mulher cujo marido é assassinado.

________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário