terça-feira, 21 de junho de 2011

Inseminoid / Horror Planet
de Norman J. Warren, Reino Unido, 1981, 93 min

Filme visto dia: 21/06/2011

Cotação
Força estética: [Universo Trash]

Comentário: Fiquei em dúvida ao final se eu colocaria duas ou três estrelas para esta verdadeira bomba trash realizada em 1981 pelo diretor Norman J. Warren. Porém sempre procuro ver a poesia por trás dos filmes que estão alocados dentro do Universo Trash. Tudo bem que Inseminoid é ruim, ruim de chorar, mas é daqueles que vale a frase: É tão ruim que é bom. Há tantas cenas toscas, tanta bobagem reunida que quando você para um pouco para pensar só fica mesmo a vontade de rir, e rir muito. A trama é uma chupação de Alien: o 8º passageiro, filme norte-americano lançado em 1979 e que fazia muito sucesso na época e que hoje em dia é um dos clássicos da ficção científica de horror.

Voltando a Inseminoid, a trama narra a chegada de um grupo de 12 cientistas do projeto Xeno que chegam até um planeta desconhecido e começam a explorá-lo, eles são atacados por uma criatura e uma das cientistas do grupo é estuprada pela criatura alienígena que pode ser conferida em uma foto logo abaixo deste comentário. Quando é levada a bordo da nave, Sandy, a cientista estuprada pelo alien, interpretada pela atriz Judy Geeson, começa a perseguir seus amigos ensandecida pelo bebê alien que ela agora carrega em seu corpo. Há algumas cenas gosmentas, mas sem exageros e também um pouco de nudez feminina, mas nada frontal e explícito. As lutas são pessimamente coreografadas e há inúmeros furos de roteiro que se eu fosse enumerar teria que escrever um texto enorme e o tempo que perderia fazendo isso poderia estar vendo um outro filme, portanto finalizo aqui o comentário reforçando que o filme é indicado apenas para os que já estão acostumados com filmes bagaceira e lixos trash.

Cena do filme





Foto do alien estuprador que aparece no filme Inseminoid.







Resenha bastante detalhada do filme pode ser conferida em: Cinemateca de Quinta




______________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário