quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Amém
de Costa-Gravas, Amen, Alemanha/Romênia/França, 2002, 132 min

Filme visto dia: 25/01/2002 [SESC/Juazeiro do Norte - Mostra21]


Minha Cotação:


Comentário: O cartaz deste Amén de Costa-Gravas causou mais polêmica do que o próprio filme que narra a luta de um oficial nazista para alertar a população mundial sobre o massacre de judeus nos campos de extermínio e de um padre católico que também faz o mesmo. O cartaz do filme mostra uma cruz que se transforma no símbolo nazista, a famosa e repudiada suástica, motivo este pelo qual o filme foi criticado pela Igreja Católica.

No elenco grandes atuações de Ulrich Tukur na pele do oficial da SS chamado Kurt Gerstein (1905-1945), baseado em um personagem histórico real, cujo relatório foi um dos mais importantes para denunciar o holocausto judeu. Já o personagem de Mathieu Kassovitz, o jovem padre jesuíta Riccardo Fontana é fictício, mas representa todos os padres católicos que tentaram avisar o Papa Pio XII sobre o massacre nas câmaras de extermínio no qual mulheres e crianças, enfim, famílias inteiras judias estavam sendo assassinadas.





________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário