quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Crisântemos Tardios
de Mikio Naruse, Bangiku, 1954, 101 min

Filme visto dia: 19/01/2012

Minha Cotação:


Comentário: Esta é minha segunda relação com a obra de Mikio Naruse, prolífico diretor japonês que realizou 89 filmes em 37 anos de profissão. Neste Crisântemos Tardios o diretor narra a vida de três ex-geishas e a melancolia de suas vidas, uma delas tornou-se uma agiota de sucesso, mas vive sozinha com uma empregada surda, e suas duas amigas que vivem conflitos com os filhos que estão prestes a saírem de casa. Obra lenta, minimalista, mas cheia daquela beleza simples e melancólica que os asiáticos realizam tão bem.


Veja aqui todos os filmes já comentados de Mikio Naruse neste blogue.


__________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário