domingo, 4 de março de 2012


Uma Professora Muito Maluquinha
de André Alves Pinto e Cesar Rodrigues, Brasil, 90 min

Filme visto dia: 03/03/2012

Minha Cotação:


Comentário: Baseado no livro homônimo do cartunista e escritor mineiro Ziraldo (1932) este longa tem mais qualidades que defeitos.

Um dos pontos altos desta nova versão (a primeira foi realizada em 1996 para a TVE Brasil tendo a Letícia Sabatella no papel de Catarina) começou com a escolha do elenco, principalmente a da protagonista que dá título ao filme, a professora maluquinha chamada Catarina interpretada por Paola Oliveira (1982) que esbanja carisma e rouba todas as cenas, e a presença do grande Chico Anysio e do também carismático elenco infantil.

Os tons da interpretação soam quase sempre exagerados, o que talvez retire um pouco das qualidades da obra, mas afinal, trata-se de um livro do Ziraldo, que como muitos outros que pensam a educação brasileira não cansam de criticar a morbidez na qual o nosso sistema educativo continua a dar seus passos, com uma educação que não sai do tradicionalismo e que nunca valorizou os professores e jamais priorizou verdadeiramente a educação. As belas locações do filme foram realizadas na cidade mineira de São João del-Rei onde nasceu o mártir da Incofidência Mineira, Tiradentes. No roteiro escrito pelo próprio Ziraldo são prestadas algumas homenagens a filmes como Cleópatra de Cecil B. de Mille e Casablanca. Um filme leve e agradável de se ver.



___________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário