segunda-feira, 17 de junho de 2013



Roberto Carlos a 300km por Hora
de Roberto Farias, Brasil, 1971, 92 min

Filme visto dia: 17/06/2013

Minha Cotação: 

Comentário: Terceiro longa do diretor Roberto Farias com o cantor Roberto Carlos, os precedentes foram: Roberto Carlos em Ritmo de Aventura (1968) e Roberto Carlos e o Diamante Cor de Rosa (1970) que ainda não vi até a presente data. Aproveitei que o filme estava sendo exibido no canal Brasil e parei para conferir. A trama é cheia de clichês e o filme parece ter sido inspirado nos filmes que estavam sendo realizados com os Beatles na época e claro, para aproveitar a popularidade do cantor Roberto Carlos. A empreitada teve boa bilheteria e um público de mais de dois milhões de espectadores sendo o filme mais assistido nos cinemas tupiniquins na época. 

A trama gira em torno dos amigos mecânicos Lalo, papel de Roberto Carlos, e Pedro Navalha interpretado pelo cantor e parceiro de Roberto, Erasmo Carlos, que sonham em se tornar famosos nas corridas de Interlagos. Lalo é talentoso e Pedro é seu assistente e incentivador, ambos aproveitam a oportunidade de participar do grande prêmio Brasil quando o patrão deles, o famoso piloto Rodolfo Lara, interpretado pelo grande Raul Cortez, que é também o dono da oficina onde eles trabalham resolve não mais correr por um trauma de um acidente no passado.  Para apimentar a trama com um romance o personagem Lalo apaixona-se por Luciana, interpreta por Libânia Almeida, a namorada de Rodolfo Lara. A bela canção "De Tanto Amor" pontua o filme de ponta a ponta. Merece destaque no elenco o ator ítalo-brasileiro Otello Zelone (1921-1973) em seu último trabalho nos cinemas.


De Tanto Amor





_________________________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário