sábado, 27 de julho de 2013

Dabide no hoshi: Bishôjo-gari / Beautiful Girls Hunter

Beautiful Girls Hunter / Dabide no hoshi: Bishôjo-gari
Direção: Noribumi Suzuki

Minha nota: 8,0


Em matéria de cinema sádico os japoneses são realmente insuperáveis. Esta pérola Pink Eiga lançada em 1979 é mais um exemplar cult de como os japoneses são mestres na arte de usar as psicopatias para criar cenas e personagens atormentados por tragédias de infância. Sem entregar muito da trama vou tentar resumir de forma breve. Uma mulher é estuprada por um maníaco que invade sua casa e prende o marido dela. Este amarrado assiste sua mulher sentir prazer com o maníaco e desta cena dantesca nasce um menino. A mãe passa a ser humilhada pelo marido dela que revoltado pelo prazer que a esposa sentira com o maníaco passa a maltratá-la juntamente com o menino que nascera do estupro. Com o passar dos anos outras sandices vão ocorrendo e o menino claro, filho de peixe peixinho é, vai tornar-se um sádico. O belo elenco de atrizes orientais é composto por Asami Ogawa,Yuka Asagiri e Natsuko Yashiro. O diretor Noribumi Suzuki é conhecido pela série Torakku Yarö, série composta por dez filmes que misturam ação e comédia produzidos pela Toei company.


Dabide no hoshi: Bishôjo-gari (1979) on IMDb
Link para a ficha técnica do filme no IMDB.


___________________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário