segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Obras primas do Conto Fantástico / Livraria Martins Editora



Ano: 1961 / Páginas: 346
Idioma: português 
Editora: Livraria Martins Editora


Outra edição maravilhosa que reúne vinte e sete dos melhores contos da literatura fantástica é esta "Obras primas do Conto Fantástico" da Martins Editora. Seleção e notas biográficas de Jacob Penteado. Também estou fazendo um levantamento dos textos disponíveis na internet e colocando os respectivos links para facilitar a vida de quem deseja ler todos eles.

[Veja também a postagem especial que fiz com a edição Panorama do Conto Brasileiro: Conto Fantástico]

Leia a Introdução de "Obras primas do Conto Fantástico" escrita por Jacob Penteado

Clique nos links para acessar os textos
  1. Teófilo Gautier - Avatar
  2. Gastão Cruls - O espelho
  3. Guy de Maupassant - Um louco? [Baixe o pdf aqui]
  4. Walter Poliseno - Métempsicose. [Leia aqui]
  5. Henry Kuttner - Os ratos do cemitério. [Leia aqui]
  6. Afonso Schmidt - Delírio. 
  7. Victor Hugo - O diabo maltrapilho. 
  8. Conan Doyle - A mão do hindu. 
  9. Matteo Bandello - O macaco travesso. 
  10. Afonso Arinos - Uma noite sinistra. 
  11. Alexandre Pushkin - O recoveiro. 
  12. Jorge William Curtis - Os óculos de Titbottom. 
  13. Marion Crawford - Camarote 105, beliche de cima. 
  14. William Wymark Jacobs - A mão do macaco. 
  15. Anatole France - A missa das sombras
  16. Herbert George Wells (H.G.Wells) - O fantasma inexperiente. 
  17. Luigi Pirandello - A senhora Frola e o senhor Ponza. 
  18. Villiers de L'Isle Adam - A experiência do doutor Velpeau. 
  19. Jack London - O rei dos leprosos. 
  20. Jean Lorrain - A máscara vazia
  21. Somerset Maugham - Encontro em Samarra. 
  22. Leónidas Andreyeff - A mentira. 
  23. Giovanni Papini - O que o diabo me contou. 
  24. Viriato Correa - A ficha n.º 20.003. [Leia o texto aqui]
  25. Edgar Allan Poe - William Wilson. 
  26. Charles Baudelaire - O jogador generoso. [Leia o texto aqui]
  27. Monteiro Lobato - Bugio Moqueado.  [Adaptação do conto no You Tube produzido para o projeto interdisciplinar do 4º semestre do curso de Rádio e Tv da Unesp Bauru]  [Resenha de Bugio Moqueado] Significado de Bugio Moqueado: Bugio é uma pessoa feia e desengonçada e também é uma espécie de macaco. A palavra moqueado refere-se à ação de secar a carne no fogo para conservá-la.





________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário